Caçador - No Coração do Contestado

Caçador conta com muitas atrações turísticas permanentes, destacando-se a Ponte Coberta de Madeira "Antonio Bortolon", que preserva o estilo da primeira edificação do ano de 1924, o Museu do Contestado, a Reserva Florestal do Contestado, maior santuário ecológico da região do meio oeste, a Floresta Nacional de Caçador, com repovoamento arbórico constituído de pinus e araucária.

O turismo rural, bem como a rede hoteleira e a gastronomia, estão equipados e adaptados para receberem bem o turista. 

A ocupação do território teve início há 6 mil anos a.C., com a presença dos índios das tribos Kaigangs e Xoklengs. A vinda, em 1842, de fazendeiros paulistas para a região dos campos marca a ocupação da área pelos primeiros homens brancos, sendo que o pioneiro do Município, Sr. Francisco Correa de Mello, aqui chegou em 1881.

A Guerra do Contestado (1912-1916) teve uma grande influência na História de Caçador e, hoje, faz parte das atrações turísticas e histórico-culturais.

A partir de 1918 o Município começou a prosperar com a chegada dos imigrantes italianos, alemães, poloneses, ucranianos, sírio-libaneses e, mais tarde, os japoneses.

Foi com o ciclo da madeira, a partir da década de 20, que Caçador consolidou sua principal economia: a madeira, tornando-se logo conhecida como a Capital Brasileira da Madeira. Hoje Caçador é o terceiro maior Município do Planalto Oeste Catarinense, considerado o maior produtor de tomate do Sul do Brasil e a Capital Industrial do Oeste.

Aspectos Gerais:

População: 80.000 habitantes

População Urbana: 64.000 habitantes

População Rural: 16.000 habitantes

Fundação de Caçador: 25 de março de 1934

Temperatura Média Anual: 16,60C

Meses de Maior Incidência de Chuvas: Janeiro e Fevereiro

No. de Propriedades Rurais: 1.402

No. de Eleitores em 1999: 40.000 eleitores

Impostos aplicados no município: I.S.S.; I.P.T.U.; I.T.B.I. e I.R.R.F.

Posição no Estado, na arrecadação de I.C.M.S. até 1999: 14º lugar

Padroeiro do município: São Francisco de Assis

 

Rodovias de Acesso:

SC-451 até BR-153; acesso com pavimentação asfáltica.

SC-303 até o Trevo de Videira; acesso com pavimentação asfáltica.

SC-302 até o município de porto União, passando por Calmon e Matos Costa; acesso sem pavimentação asfáltica;

SC-302 até BR-116, passando por Lebon Régis; acesso com pavimentação asfáltica.

 

Principais atividades econômicas:

Indústria – 250 empresas nos ramos, madeireiro, papel e celulose, metal mecânico, plástico, couro e caçados, confecções – Caçador é conhecida como:

Capital Brasileira da Madeira e Capital Industrial do Oeste Catarinense.

Comércio – 1 110 Estabelecimentos, todos os ramos comerciais Caçador possui. É um pólo comercial da região do Vale do Contestado.

Serviços – 1150 prestadores de serviços, destacando-se no ramo de transporte de Passageiros e de cargas.

Agricultura – 1402 propriedades rurais, onde com um ramo bem diversificado destacando-se a produção de hortifrutigranjeiros (uva, pêssego, maçã, pêra, caqui, kiwi, figo, pimentão, abobrinha e tomates e outros ). O maior destaque está na produção de tomate sendo considerado o maior Produtor de Tomate do Sul do Brasil.

 

Hotelaria:

O parque hoteleiro de Caçador é formado por equipamentos de hospedagem, sendo 6 hotéis destinados à turistas que viajam à negócios, 1 pousada, localizada em área rural do município, além de 3 motéis. Estes equipamentos juntos totalizam 346 unidades habitacionais, 664 leitos.

 

Bares, Lanchonetes, Restaurantes e Sorveterias:

33 Estabelecimentos comerciais neste ramo, oferecendo diversas opções gastronômicas.

 

Panificadoras e Confeitarias:

6 Estabelecimentos, algumas com filiais.

 

Agências de Viagem e Turismo:

3 Empresas.

 

Terminais de Transporte:

Terminal Rodoviário

O terminal rodoviário - fone 563-0225, Rua- Aristeu Porto Lopes, possui uma área de 2.000 m2, oferecendo banheiros masculino e feminino, lanchonete, lojas, guarda-volumes, 08 box para ônibus, estacionamento e ponto de táxi.

Com relação ao transporte coletivo urbano do município, circulam os ônibus da Auto Coletivo Caçador, com uma frota que atende todos os bairros.

Aeroporto Carlos Alberto da Costa Neves

Possui uma pista de 1.800 metros de comprimento, 40 metros de largura e iluminação noturna. Oferece capacidade para aeronaves tipo Brasília e Fokker 50. Localiza-se à 6 km do centro da cidade.

Fone - 563-0090

 

Postos de Combustíveis:

6 Estabelecimentos, alguns com filiais.

 

Hospitais:

Hospital Jonas Ramos
Rua Pinheiro Machado, 184

Hospital Maicé
Rua Bolívia, 54

 

Farmácias:

15 Estabelecimentos.
Obs: Os plantões são feitos em forma de revezamento, e a informação semanal está disponível em todas as farmácias.

 

Serviços de Fotografias (Revelações):

2 Estabelecimentos, ambas com filiais.

 

Telefones Úteis:

DDD: 49

A.C.I.C.: 563-1116

C.D.L.: 563-0840

Cadeia Pública: 563-0584

CASAN: 563-0470

CELESC: 563-3733

CIRETRAN: 563-0379

Corpo de Bombeiros: 563-0803

Delegacia de Polícia: 563-0584

Delegacia de Proteção à Mulher e ao Adolescente: 563-0584

Hospital de Caridade e Maternidade Jonas Ramos: 563-0318

Hospital Maicé: 563-0811

Polícia Militar: 563-1711

Polícia Rodoviária Estadual: 247-0170

Posto de Saúde: 563-1037

Prefeitura Municipal: 563-0322

Pronto Socorro: 563-0811/563-0318

Rádio: 563-0174/563-2211

 

Casas Noturnas, Danceterias e Recantos:

5 Estabelecimentos.

 

Propriedades Rurais:

6 Propriedades, oferecendo lazer junto ao campo, com possibilidade de prática de pesca, acampamentos (camping), passeios a cavalo, churrasqueiras, trilhas para caminhadas ecológicas, quiosques, etc.

 

Principais Atrativos:

Catedral São Francisco de Assis

Localizada na Av. 7 de Setembro, próximo à Prefeitura Municipal, dispões de 1.000 m2 de área, apresentando estrutura em estilo neo-clássico, com três naves, capelas, altar-mor, colunata em estilo coríntio, capitéis de folha de acanto e abóbada cassetoni. Além disso, destaca-se pelos adornos internos em alto relevo. Sua decoração e pintura interna foram realizadas pelo artista Celestino Raig. Foi construída pelos imigrantes italianos Nante Mosconi e João Palermo, sendo inaugurada em 18 de outubro de 1959. Está aberta diariamente, das 09:00hs às 10:00hs. Tel.: (0XX49) 563-0904

Museu Histórico e Antropológico da Região do Contestado

Localizado na Rua Getúlio Vargas, apresenta um acervo diversificado, com coleções de civilizações macro-gê, dos pioneiros de Caçador, Guerra do Contestado e da Ferrovia. Sua estrutura física representa a réplica da primeira Estação Ferroviária de Caçador, além da Máquina à Vapor e dos dois vagões expostos. Tel.: (0XX49) 563-2033

Gruta Nossa Senhora de Lourdes

Localizada à 10 km do centro da cidade, na Rodovia SC-302, sentido à Lebon Régis, ao lado da Cachoeira do Rio Castelhano. Local disponível para orações, freqüentado por muitos devotos.

Ponte do Arco

Localizada na Av. Aristiliano Ramos, no centro da cidade. Com 100 m2 de área, apresenta formato em arcos, classificando-se como única na região que obedece essas características para a passagem de pedestres.

Ponte de Ferro

Tem sua estrutura toda em ferro, com aproximadamente 100 metros de extensão, onde passa a linha férrea, construída em 1910, sobre o Rio Caçador. Foi um marco da divisa entre os Estados de Santa Catarina e Paraná. Localiza-se no Bairro Gioppo, após a Rua Fernando Machado e seguindo para o Bairro.

Ponte Coberta Antonio Bortolon

Construída com pequenas tábuas de madeira de imbuía. A primeira ponte nesse estilo foi construída em 1924, e arrastada pela enchente no ano de 1983. Em 1985, construiu-se a Segunda ponte nos mesmos moldes da primeira. Tem 25 metros de extensão e localiza-se entre a Rua José Boiteux e a Rua Rui Barbosa.

Fonte São João Maria

São João Maria foi um monge eremita, curandeiro, que por onde passava, deixava sua pregação cristã, fixando-se perto de águas, para descansar e beber da mesma. Mais tarde a comunidade se utilizava destas fontes, porque acreditava no seu poder de curar enfermidades. Localiza-se na Rodovia Primo Tedesco, Bairro Vereda dos trevos.

Monumento da Imbuía

Tronco de imbuía que representa a flora de Caçador. Possui 3 metros de altura e um diâmetro que são necessárias cinco pessoas de mãos dadas para abraçá-lo. Esse tronco possui cerca de 1.000 anos. A imbuía é uma árvore de madeira nobre, destacando-se por sua magnitude. Localiza-se na Rua José Bonifácio, na Vila Paraíso, na Praça Rodolfo Nickel.

Chaminé

Construída em tijolos maciços na década de 40, seus 40 metros de altura foram utilizados pela Fábrica de Caixa Frederico Reichmann para a queima de madeira que servia de energia geradora da locomóvel. Localiza-se na Rua Victor Meirelles, próximo à Ponte de Madeira.

 

Cultura:

Pinturas: existem em Caçador, sete painéis sobre a Guerra do Contestado, exposto na UnC - Universidade do Contestado. Estas obras são de Hiedy de Assis Corrêa.

Artistas Plásticos: Leandro Vitto, Jorge de Oliveira, Ronaldo Henrique de Souza.

Trabalhos em Cizal: Mário Ribeiro.

Com relação ao Artesanato, este é bastante diversificado, devido à imensa variedade étnica que instalou-se no município. Porém, é necessário que os órgãos competentes e pessoas interessadas, estruturem o setor, transformando-o em forte instrumento propulsor da economia turística de Caçador.

 

Folclore:

Além da grande força apresentada pelo CTG’s :

Estrelas dos Pampas, Mangueira União dos Amigos, Herdeiros da Tradição, Porteira do Contestado.

Folclore italiano - Grupo de Dança Gira L”more - Coral Italiano Aurora,e o Coro Cento Lire grupo de danças infantil da Prefeitura Municipal.

Folclore Alemão Deustch Gruppe Jäger (grupo de dança)

Outros grupos de desfilam em traje típico, Japonês - Sírio Libanês, Ucraniano.

 

Jornais:

2 Jornais locais trazem a informação para a cidade.

 

Principais Eventos:

Feira do Município

Ocorre anualmente, no dia 25 de março, com a realização de diversas atrações, como show pirotécnico, feira multisetorial com produtos artesanais, agrícolas e industriais.

Festa da Fogueira e do Quentão

Festa mais tradicional de Caçador, tem a peculiaridade típica das Festas de São João, com danças, shows e gastronomia típica do momento. A grande atração é a queima da fogueira com mais de 30 metros de altura. Acontece todos os anos no dia de São João, no mês de Junho.

Semana da Cultura Italiana

Organizada pelo Coral Italiano Aurora, oferece diversas atrações voltadas ao resgate e à valorização da cultura italiana, como: gastronomia típica, Baile do Pão e do Vinho, apresentação de Corais e apresentação de Grupos Folclóricos. Ocorre anualmente no mês de Julho.

 

Informações Gerais

Área:
1.009 Km2

População:
80.000 habitantes

Fundação:
25 Março de 1934


Março:
Aniversário do Município

Junho:
Festa da Fogueira e do Quentão

Julho:
Semana da Cultura Italiana

Mais Informações no site da Cidade no endereço:
http://www.cacador.com.br

 

Outras Fotos


Museu do Contestado

 


Ponte de Ferro

 


Ponte Antônio Bortolon

 


Site Desenvolvido  e  Hospedado  Gratuitamente  por
http://www.conection.com.br
  E-Mail: conect@conection.com.br